Marminino: o arduíno caseiro

05/07/2016 18:07

SAM_1961

O que fazer quando você tem um objetivo, mas não sabe como atingi-lo? Criar meios para isso, é claro! 🙂 Foi pensando assim que o professor Daniel Chagas desenvolveu o Marminino – uma placa caseira compatível com um arduíno e projetada para ser construída dentro das escolas! Como nós, do Programaê!, adoramos contar histórias de verdade… aí vai uma para você se inspirar!

Tudo começou em 2013. E é o próprio mentor do projeto quem conta! “Como professor de programação em escolas públicas profissionalizantes no Ceará, recebia muitos alunos que nunca haviam usado um computador ou com uma base de matemática muito baixa. Então, o ensino de lógica era bem penoso para eles”, afirma Daniel, que também é pesquisador da Secretaria de Tecnologia e Informação de Fortaleza.

Para acabar com essa barreira, o professor teve uma ideia: levar algumas placas arduíno para a escola e experimentar com os estudantes a prática da programação aplicada à robótica. O resultado só poderia ser ótimo, né? “Mesmo atividades simples, como ligar leds, se tornaram atividades extremamente prazerosas para os alunos”, conta.

Infelizmente, o custo dessas placas era muito alto e a burocracia para adquiri-las muito grande. Após mais de um ano, a escola só conseguiu adquirir dez placas… O que levou o professor a buscar uma solução para o problema. Nesta época, ele encontrou o Nanino, um arduíno mínimo caseiro que surgiu de base para sua grande criação.

Após a adaptação de todo o circuito, com maior número de conexões de energia, possibilidade de usar pilhas e trilhas mais grossas, finalmente ele chegou ao que esperava. Nasceu, então, o Marminino: uma placa não comercial, feita para ser replicada por quem quiser. Ou seja, por se tratar de um open hardware, é possível encontrar na internet instruções para fazê-la sozinho!

No caso do professor Daniel, o resultado não poderia ser melhor: a escola aceitou muito bem os projetos e eles ganharam uma sequência de prêmios em feiras e eventos.

Se deu certo para ele, também pode funcionar aí na sua escola, na sua comunidade ou na sua casa. Imagina quantas possibilidades existem para quem unir o uso da programação com esta placa, que pode transformar seus sonhos em algo de verdade?

O ensino da programação, a gente garante. 😉 Entra lá no nosso site, acesse nossas trilhas e comece hoje mesmo a aprender a programar, ó: www.programae.org.br.

Para quem se interessou pelo Marminino, também deixamos o contato do professor Daniel Chagas. Anota o e-mail dele aí: prof.daniel.chagas@gmail.com