Memory Game: vocabulário na roda

As diretrizes nacionais recomendam que o ensino de língua estrangeira seja articulado com outros saberes do currículo e mobilize o repertório que o aluno já traz consigo, promovendo assim uma aprendizagem com sentido e foco na comunicação.

Segundo a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), “a Língua Inglesa, cujo estudo é obrigatório no Ensino Médio (LDB, Art. 35-A § 4º), deve ser compreendida como língua de uso mundial”. Em parte, por conta do advento da internet, o aluno do ensino médio tem sido exposto ao inglês com bastante frequência e vem se apropriando com naturalidade de algumas palavras no seu dia a dia.

Para a BNCC, “no Ensino Médio, trata-se de expandir os repertórios linguísticos, multissemióticos e culturais dos estudantes, possibilitando o desenvolvimento de maior consciência e reflexão críticas das funções e usos do inglês na sociedade contemporânea”. Diante deste fato, é importante trabalhar com o aluno a ampliação do vocabulário, favorecendo a descoberta de novas palavras que possuem maior relevância e significado.

Profa. Lúcia de Fátima Négri Rossi

Graduada em Língua e Literatura – Universidade Cruzeiro do Sul, pós graduada em Administração Escolar – Unicamp. Diretor de Escola e Professor de ensino fundamental e médio na rede pública estadual de SP.

Ampliar o vocabulário do idioma inglês a partir das partes que compõem o corpo humano; Promover a reflexão sobre si e as aparências; Criar no software Scratch a estrutura de um jogo de memória; Desenvolver o pensamento computacional através da programação em blocos.

Alunos da 1ª série do Ensino Médio com possibilidade de estender às demais.

Ensino Médio - Disciplina de Biologia.

7 aulas.

Partes que compõem o corpo humano.

Sala de informática; Internet; Projetor/datashow; Computador com o software Scratch 2 instalado; Vídeo "My Story is painted on my body".

PASSO A PASSO

Quer saber como aplicar esse plano de aula?

Baixe o passo a passo!

Baixe agora